CFBio - Conselho Federal de Biologia | (61) 3328-2404
ÁREAS DE ATUAÇÃOSaúdePORTAL DOS BIÓLOGOSPORTAL DA SAÚDESelo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências BiológicasNormativas de Interesse dos BiólogosPerguntas Frequentes Universidades Públicas Links Úteis Sindicatos e Associações de BiólogosLAI

REDES SOCIAIS

Facebook Twitter Google Plus
Youtube Linkedin Instagram

TEMPO HOJE

BUSCA DE CEP

 

Correios

Nota de esclarecimento: audiência paisagismo

Publicado em: 15/01/2019


A respeito da audiência pública que aconteceu em dezembro próximo passado, na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP) da Câmara dos Deputados, na qual foi discutida a prerrogativa do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) de definir áreas de atuação privativas dos arquitetos e urbanistas, a Diretoria do Conselho Federal de Biologia (CFBio) esclarece:

1 - O CFBio foi informado da audiência pública dois dias antes da realização da mesma, por meio do Ofício 056/18-CTASP. Foram convocados para representar o Conselho na reunião os membros do Grupo de Trabalho (GT) sobre Paisagismo, que elaboraram minuta de resolução, a qual regulamenta a atuação do Biólogo em Paisagismo. Devido a compromissos profissionais, os membros do GT não puderam comparecer à audiência.

2 - Tendo em vista a importância da referida reunião, o CFBio enviou de imediato o Ofício n° 357/2018 para o Presidente da CTASP, Deputado Ronaldo Nogueira, informando que o assessor parlamentar Rogério Correia Jansen representaria o Conselho Federal de Biologia.

3 - O Sistema CFBio/CRBios também foi representado na reunião pelo delegado do Conselho Regional de Biologia da 4ª Região (CRBio-04) no Distrito Federal, Biólogo Gildemar Crispim, presidente do Sindicato dos Biólogos do DF.

4 - O Conselho Federal de Biologia tem articulado junto a deputados para revogar a Resolução CAU/BR nº 51, de 12 de julho de 2013, que define áreas de atuação privativas dos arquitetos e urbanistas. Entre elas está a área de Paisagismo, na qual os Biólogos são legal e tecnicamente habilitados a atuar, conforme prevê a Resolução CFBio nº 449/2017.

5 - O CFBio também está em constante diálogo com outras categorias profissionais prejudicadas pela Resolução do CAU/BR e que estão se mobilizando junto ao Poder Judiciário e ao Poder Legislativo para reverter a reserva de mercado intentada pelo CAU.



Voltar Imprimir este artigo